Sobre atentado em Suzano: pedir a graça de sermos promotores da paz

Dom Pedro Luiz Stringhini, bispo diocesano de Mogi das Cruzes (SP), afirmou estar “consternado” com as notícias do atentado na escola em Suzano e transmite seu pesar aos familiares dos alunos e, principalmente, aos que choram a perda de seus entes queridos.

A diocese de Mogi das Cruzes (SP), à qual pertence a região de Suzano, se manifestou acerca do atentado que deixou oito mortos na Escola Estadual Raul Brasil.

Dom Pedro Luiz Stringhini, bispo diocesano de Mogi das Cruzes (SP), pede “a Deus para que derrame sobre cada um deles os dons da serenidade espiritual e da esperança cristã, pois, nossa fé se fundamenta nas promessas e na vitória de Nosso Senhor Jesus Cristo”.

“Enquanto Diocese, todo o clero e fiéis leigos, unimo-nos em oração pelos atingidos neste brutal ataque à Escola Raul Brasil, nas preces pelos falecidos, inclusive pelos autores deste triste ocorrido, pedindo a Deus que os acolha na Sua misericórdia e pela recuperação dos que foram atingidos”, escreve Dom Pedro, que afirma repudiar “qualquer ato de violência”.

“Pedimos a Deus a graça de sermos promotores da paz em nosso país e no mundo. Com uma saudação fraterna e dolorosa, nós nos unimos a todos.”

Nós, da Rede Nova de Comunicação, em Mafra-SC, oferecemos as nossas orações aos familiares das vítimas e a todos os alunos e funcionários da escola que estão abalados por esta calamidade.

Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e o Sangue, a Alma e a Divindade do Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e dos do mundo inteiro. Amém.

Fonte: Vatican News
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *