Neste 13 de maio, celebraremos a Ascensão do Senhor ou a Virgem de Fátima?

Uma peculiaridade no calendário litúrgico vem chamando a atenção neste ano de 2018, pois o próximo 13 de maio, dia de Nossa Senhora de Fátima, coincide com o domingo da Ascensão do Senhor; diante disso, muitos têm se perguntado: o que a Igreja irá celebrar?

Ao observar o ‘Programa de Atividades 2017-2018’ disponibilizado no site do Santuário de Fátima, já é possível verificar a resposta para tal indagação, pois estabelece que no dia 13 de maio deste ano será celebrada a Solenidade da Ascensão do Senhor, assinalando ainda o “Dia Mundial dos Meios de Comunicação Social”, juntamente com a “Peregrinação Internacional Aniversária” e o “Aniversário da Canonização dos Santos Francisco e Jacinta Marto”.

Por outro lado, o mesmo programa de atividades indica que na segunda-feira, dia 14 de maio, será celebrada a Solenidade de Nossa Senhora de Fátima, que foi transferida.

Em declarações à ACI Digital, a assessora de imprensa do Santuário de Fátima, Carmo Rodeia, sublinhou que “a Solenidade da Ascensão do Senhor é uma data móvel”, por isso, “este ano coincide com a solenidade de Nossa Senhora de Fátima”.

“Seguindo a ordem de precedência da Liturgia, que consagra o Tempo Pascal como o mais importante, seguido da Solenidade do Senhor e só depois as datas referentes à Solenidade de Nossa Senhora, que tem de ser observada em toda a Igreja, o Santuário celebra no domingo a Solenidade da Ascensão do Senhor e passou para segunda feira, o dia imediatamente a seguir, a celebração da Solenidade de Nossa Senhora de Fátima”, explicou.

Nesse sentido, a assessora do Santuário fez referência à ‘Tabela dos dias litúrgicos segundo sua ordem de precedência’, contidas nas ‘Normas Universais do Ano Litúrgico e o Calendário’, que, entre outros, cita as seguintes precedências para as celebrações litúrgicas:

“1. Tríduo pascal da Paixão e Ressurreição do Senhor.

2. Natal do Senhor, Epifania, Ascensão e Pentecostes.

Domingos do Advento, da Quaresma e da Páscoa.
Quarta-feira de Cinzas.
Férias da Semana Santa, da Segunda à Quinta-feira inclusive.
Dias dentro da Oitava da Páscoa.

3. Solenidades do Senhor, da Virgem Santa Maria e dos Santos inscritos no Calendário geral.

Comemoração de Todos os Fiéis Defuntos (…)”.

Além disso, o parágrafo 60 de tais ‘Normas’ indica que, “se ocorrem no mesmo dia várias celebrações, celebra-se a que ocupa um lugar superior na tabela dos dias litúrgicos. Entretanto, a solenidade impedida por um dia litúrgico, que goze de precedência, seja transferida para o dia livre mais próximo”.

Em relação à comemoração de Nossa Senhora de Fátima, a assessora de imprensa do Santuário ressaltou ainda que “esta Solenidade é fixa a 13 de maio, mas só tem ‘estatuto’ de Solenidade na Diocese de Leiria-Fátima, pois nas restantes é festa”.

Assim, concluiu Rodeia, a transferência da celebração da Virgem de Fátima para o dia 14 de maio, neste ano, “trata-se de algo normal na medida em que é o cumprimento de uma regra litúrgica”.

Fonte: Acidigital
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *