Relembre: A incrível história de superação da rionegrense Milena Nenemann

Ouça a entrevista de Milena ao programa vozes da paz

#TodospelaMilenaNenemann

Com essa campanha milhares de pessoas expressaram sua solidariedade com gestos de amor por Milena. Um sentimento que nasceu pela vontade de viver de uma jovem de uma pequena comunidade do interior de Rio Negro – PR e que foi parar na Capital Paulista. Na mala Milena leva os sonhos; no coração, as palavras do Evangelho “Tudo é possível para aquele que crê”.

Milena Nenemann filha de Marcio e Eliane mora na localidade de Matão do Caçador, em Rio Negro – PR. Uma jovem de 18 anos, sempre alegre, sorridente. Por onde passa sempre fazendo novas amizades, uma jovem inteligente, que tem um sonho: Ser esteticista. Prestou o vestibular para a área na universidade em Curitiba, passou, e estava prestes a iniciar o curso quando uma tragédia interrompe esse sonho:

O problema começou com uma simples dor de garganta, seguida de dores musculares, febre, fisgadas no pulmão e fraqueza. Em 23 de janeiro de 2017, foi levada ao Pronto Socorro da cidade de Rio Negrinho – SC, de onde foi imediatamente transferida para uma UTI da cidade de Joinville com apenas 1% de chance de vida. A princípio diagnosticada com pneumonia precisou ser conectada a um pulmão artificial, um aparelho que segundo os médicos se Milena não estivesse este recurso na hora, não teria sobrevivido. O pulmão artificial veio do Rio Grande do Sul, estava no hospital por acaso, e seria devolvido na quinta-feira, dois dias depois Milena o utilizou. Os pais de Milena viram a mão de Deus conduzir a vida da filha.

Ao longo deste período, ela sofreu uma parada cardíaca e ficou três minutos sem vida, até ser reanimada. Milena ficou mantida pelos aparelhos e sedada por vários dias. Os rins pararam levando à várias sessões de hemodiálise. Precisou tomar muitos medicamentos em altas doses para mantê-la viva. Com isso, por não haver circulação suficiente do sangue nas extremidades do corpo provocou uma isquemia, onde os membros começaram a perder a vida e levaram ao estado de necrose dos membros, ou seja, um estado de morte de um grupo de células, ou órgão do corpo. Inúmeros exames foram feitos, e sabe-se que o caso foi causado por uma bactéria não especificada. A Medicina tentou diversos procedimentos para reverter o caso, mas sem sucesso.

Então veio a notícia que os pais de Milena temiam, amputar seus dois pés, na altura da panturrilha; sua mão direita, pouco abaixo do cotovelo e parte dos dedos da mão esquerda.

A Fé para a Família Nennemann

Para a mãe de Milena, Eliane Terezinha Ritzman Nennemann, a fé foi o suporte para a família nessa hora.

Todos os dias meu marido e eu íamos a uma capela e rezávamos o terço e quando os pensamentos negativos vinham, dizíamos ‘Senhor afasta de nós esses pensamentos’, e a passos de formiguinha a Milena foi melhorando”, relata a mãe.

A positividade de Milena que animava e reerguia o pai nas horas da tristeza ao ver a filha na cama de hospital.

Milena ficou 45 dias na UTI, e 7 dias no quarto para observação, totalizando 52 dias no hospital. A medicina indicava apenas 1% de chance de vida, mas para quem tem fé, tudo é possível, (Mc 9,23) a família Nenemann experimentou o milagre de Deus através da fé.

O irmão de Milena, Marco Antonio de 22 anos, conta nessa entrevista que o caso de Milena chegou até o vaticano. Uma foto de Milena foi abençoada pelo Santo Padre o Papa Francisco que tomou conhecimento da sua história.

A fé junto com da vontade de viver dessa jovem de 18 anos tornou-se um exemplo de superação. Uma característica de Milena que mesmo em meio ao intenso sofrimento mostra Alegria. Com sorriso no rosto ela nos conta que tinha a confiança que alguém iria lhe ajudar a realizar o sonho de andar novamente; ter mãos que possuam movimentos para poder voltar a fazer maquiagem, uma coisa que ela ama fazer em si mesma e em outras pessoas e então realizar a tão sonhada faculdade de estética.

Os finais de semana de Milena são iguais à de qualquer jovem de sua idade. Milena tornou-se um exemplo de superação. Diante dos problemas e as cruzes do dia a dia, nos reclamamos muitas vezes por pequenas coisas, perguntamos e questionamos o porquê do sofrimento. Mas olhando para o testemunho de Milena vemos nessa jovem de 18 anos um exemplo incrível de positividade, algo próprio de quem experimentou com a vida, a mão de Deus no sofrimento.

O Caso de Milena chegou até o conhecimento de muitas pessoas. A Comunidade de Matão do Caçador se uniu em prol da família, e em pouco tempo, o caso explodiu na internet comovendo pessoas de todos os cantos do Brasil.

Mesmo com toda ajuda arrecada, só cobririam 50% por cento do valor das próteses necessárias.

O caso de Milena na TV Nacional

No dia 05 de Julho, o caso de Milena foi à TV Brasileira. O programa “Gente de Fibra” do apresentador Ratinho em São Paulo recebeu Milena e sua família, através de uma moradora de Mafra, que divulgou a sua história na internet. Durante o programa, a jovem teve seus dois sonhos realizados: as próteses dos pés e da mão, através da Conforpés – empresa especializada em próteses ortopédicas -, de Sorocaba (SP) e uma bolsa de estudos integral da Universidade Positivo de Curitiba (PR) para Milena cursar Estética e Cosmética.

Segundo a família, a mão que Milena ganhou no Ratinho foi a mioelétrica, que é mais pesada e não possui movimentos tão delicados comparada à biônica, e ela não se adaptou. Com isso, foi comprada, com o dinheiro arredado com rifas e eventos beneficentes, a mão biônica, que é mais leve e sensível. De R$ 170 mil, a empresa de Sorocaba deixou por R$ 100 mil.

Ainda durante o programa, foi lida uma carta enviada pela Universidade Positivo, de Curitiba, para a qual Milena já havia sido matriculada no começo deste ano, no curso de Estética e Cosmética. No documento, a universidade informou, por meio de bonitas palavras, que a jovem receberá bolsa de 100% para cursar a faculdade.

Laura Luiz moradora de Mafra foi este anjo que conhecendo a história da Milena, não mediu esforços para que tivesse seus sonhos realizados.

Todo o dinheiro arrecadado pela ajuda à família de Milena, será para a manutenção das próteses.

O Sonho em Realidade

Depois de ter ganhado as próteses os pés e para a mão direita, viajou para Sorocaba, em São Paulo, para tirar os moldes. Depois, a jovem ficou em São Paulo por 17 dias para fazer a colocação e treinar com profissionais de fisioterapia. Na semana passada, já voltou para a sua cidade, andando e realizando movimentos com a mão biônica, que possui sensores que são ativados com os movimentos do músculo do braço, o que confere mobilidade aos cinco dedos.

Durante as sessões de fisioterapia em São Paulo, Milena gravou alguns vídeos e postou em suas redes sociais. Alguns eram dos treinos com as próteses nos pés, mas o que mais emocionou foi um em que ela estava escrevendo e desenhando, com a mão biônica. Na folha, a jovem escreveu: “Eu superei. Milena Nenemann” e desenhou corações e uma paisagem. O vídeo emocionou muitas pessoas que assistiram. “Colocaram as próteses e ela já saiu andando. Todo mundo se admirou com a rapidez. Ela treinava todos os dias com fisioterapeutas, mas descansava bastante”.

Hoje o sentimento na vida da família Nenemann, é apenas de Gratidão. Primeiro a Deus, a Nossa Senhora, todos os anjos que Deus colocou no nosso caminho, vendedores e compradores de rifa para ajudar a Milena, organizadores de outras promoções e, para finalizar: Simone, Laura, seu Nelson, doador das próteses, e à Positivo, que doou a bolsa de estudos. A Milena é uma guerreira. Cada dia me surpreendo mais com sua superação. É um exemplo de vida”, conta a mãe Eliane Nenemann.

Sonhos de Milena

Na entrevista perguntamos a Milena qual o tamanho o seu sonho?

Primeiro passo é reabilitação com as próteses e depois quero ingressar na faculdade e um dia ter minha própria clínica de estética”.

Vídeo dos primeiros passos de Milena

 
Fonte: arquivo facebook
 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *